Quando a União Europeia delibera, as coisas tem que ser feitas de forma diferente! É o que vai acontecer com  a publicação de jogos gratuitos nas stores!  O que é que muda então?

Tanto à Google, Apple, como às restantes, as recomendações foram as seguintes:

  • Que as aplicações que tenham compras integradas deixem de figurar como grátis! (Isto tem levado muita gente a uma má informação sobre o real valor de um aplicativo ou jogo, nomeadamente as crianças!)
  • Também por isso, os jogos mais populares não devem ser um chamariz directo às crianças para estas adquirirem elementos ou extras.
  • Devem-se informar correctamente os consumidores sobre as formas de pagamento do que compram e não se podem cobrar automaticamente sem o consentimento deles.
  • Quem tem aplicativos ou jogos, deve ter um contacto de email para que o consumidor possa expor as suas dúvidas ou reclamações.

Depois deste aconselhamento por parte da União Europeia, a Google foi a primeira a arregaçar as mangas e prometeu mudanças para breve!

No caso da Apple, mostraram que estavam atentos ao que foi dito, mas não adiantaram quando e  de que forma irão abordar isto na sua store!

Penso que estas medidas, aparecem tardiamente, mas espero que com as mudanças se possam evitar os problemas que tem acontecido com muitas famílias, especialmente as que tem crianças!

About The Author

Bruno Reina
Administrador
Google+

Fã de tecnologia e de jogos em diversas plataformas!

One Response

  1. Callavero
    Já deveriam ter legislado sobre esta matéria à muito tempo, é obsceno aquilo que certas companhias ganham com aplicações/jogos “grátis”.
    Responder

Leave a Reply

Your email address will not be published.